23 de novembro de 2007


Extra: Britânica de 24 anos tem 200 orgasmos por dia


A britânica Sarah Carmen, 24 anos, que sofre de uma síndrome rara, tem 200 orgasmos por dia, ou seja, um a cada sete minutos. Em entrevista ao jornal News of the World, ela contou que qualquer coisa a faz chegar ao clímax, como o barulho do trem, ou o som do secador de cabelo.
(Senhor!!!! Que síndrome é essa, a síndrome da Perseguida Maluca? Já pensaram: Gozou amor?? Não amor, põe uma musiquinha pra mim aí! AiaiaiaAiaiai)

Durante a entrevista, de 40 minutos, Sarah afirmou ter tido oito orgasmos.
(pense no jornalista se achando o gostosão durante a entrevista)

Ela sofre da Síndrome de Excitação Sexual Persistente, que leva ao aumento do fluxo sanguíneo para os órgãos sexuais causando excitação por grandes períodos, mesmo sem que haja estímulo sexual.

"Quando começou, aos 19 anos, meu namorado estranhou a quantidade de orgasmo que eu atingia durante a transa", contou ela. "Muitas vezes queria ter o número necessário de orgasmos para acalmar-me. Às vezes, queria ter uma vida normal".
(ahahhaa imagino o namorado dela falando para os amigos: "Pô mano, minha mina goza só de eu encostar nela, eu sou foda!!!)

Sarah contou também que dispensa convites para ir a locais públicos com música alta e muita agitação. Ir à bares ou clubes barulhentos está fora de questão porque as vibrações a deixam doida. "Tenho que encontrar bares quietinhos. E eu tenho mais orgasmos quanto mais eu bebo, porque me relaxa, então eu tenho que beber muito pouco agora."
(sei, duvido, deve estar enchendo a cara de whisky barato e indo pra rave agora...)

A situação mais hilária de orgasmo foi enquanto ela respondia a um questionário de pesquisa de mercado. "Eu tive um orgasmos na frente da pesquisadora. Ela sabia o que estava acontecendo e me olhou estranho. Eu tentei explicar que não podia ajudar, mas eu estava gemendo tanto que tive que sair andando".
(hahaha pense na cara da pesquisadora: "Nossa, a sra gostou tanto assim do nosso produto? João, põe pra vender ainda hoje!!!")

Sarah está fazendo tratamento e segundo os médicos não há uma explicação científica provada para o problema dela. O mais provável é a infecção da região pélvica que pode estar estimulando os nervos do clitóris.
(oh dó...e tem mulher que passa a vida só com gonorréia, vida injusta né?)

fonte: Notícias do Terra

5 comentários:

  1. Imagina ela no metro lotado, tipo na Sé as 8 da manhã????
    uahuahuahuahuah
    bizarro

    ResponderExcluir
  2. Imagine ainda se ela fosse dakelas mulheres que se melam toda quando gozam, ou aquelas que 'ejaculam'... Teria que andar com fraldas, coitada.

    XD

    ResponderExcluir
  3. Essa estória é boa! rsrsrs

    Quanto ao seu comentário... sobre a falta de comunicação entre os homens... cá entre nós... se eu for mais direta, caio no erro de parecer vulgar ou tarada...
    :(

    ResponderExcluir
  4. "O senhor poderia... aahhh! ...me ver seis pãezinhos... hmmmm! ...franceses? Escolhe bem... uuuuiiii! ...moreno, tá? Brigadimmmmm... hmmm..."

    E eu aqui, do meu velho e querido banco...

    ResponderExcluir
  5. Desculpa! hahahahahahahaha! Achei que tinha lido que uma mulher tem um orgasmo a cada sete minutos!

    Hahahahahahahahahahahahahahaha!!!!

    Ai, ai... preciso ir ali no oftalmo!

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores