14 de dezembro de 2007

É sempre mais do mesmo...

Pois é, 9 horas da noite e eu com uma neura incrível de chocolate. Não sou tão fã de doces, mas chocolate para mim é como cachaça pra alcoolatra, dá abstinência e se começa não para mais.

Considerando que garoa forte em São Paulo e meu cigarro acabou, corri para algo que estivesse aberto e alimentasse meus vícios. Uma casa de Empadas aqui na rua foi minha salvação. Trufas, tortas e afins. Pedi uma trufa e sentei vitoriosa, quase num prazer orgásmico. Quase não.

Foi quando três amigos vieram perto pagar sua conta. Três moços esquisitos, mas estilo intelectual, meu tipo de homem. Nâo sou exigente quanto a parceiros, exijo qualidades simples como saber ler e escrever, ser inteligente, humorista e heterossexual. E mesmo assim não anda nada fácil...

Mas, em um pé de vento contra a minha natureza de invisível para os homens, um deles, justamente o que eu olhava, começou a me perceber. Talvez meu grau orgásmico no momento (com o chocolate, é claro), tenha exalado algum odor reprodutivo. O fato é que ele até sorriu pra mim. Iuuupi, encontrei o amor da minha vida. E ele ainda usa óculos!!! Ai que fofo, imagina que lindo a gente ... nhá esquece.

Como tudo que reluz é duas vezes luz e de zicada eu só tenho o corpo e a alma, ele, todo exibido, vira ao caixa e diz com uma voz de soprano no municipal: "Tem Malboro?".

Ah? Não leram direito? SOPRANO MUNICIPAL. A voz dele era mais fina que a minha (e vocês já puderam ouvir por aqui que pareço a Sandy com 8 anos cantando...). Juro, não é exagero. Deve ser algum disturbio, gente! Era muuuuuuito fina. Não dá...

Não ser barítono tudo bem, mas sobrano não dá. Pense nele gritando com os filhos e as taças quebrando?

Lá se vai mais um amor da minha vida de hoje...

- aqui só faltam 100 acessos...para os 5mil... -

4 comentários:

  1. Me encontrei aqui...
    sem cigarro, louca por um doce...(quase ataquei o Panettone que comprei pra dar de presente...) e o pior de tudo, ando invisível para os homens. Adorei o blog! Vou vasculhar mais!

    ResponderExcluir
  2. Poxa Café, vc fala que não exige muito, mas aposto que sempre arruma um defeitinho no carinha. Eu acho que vc tá se auto-sabotando, hein, hehehe

    ResponderExcluir
  3. Ahahaha ! Meu deus colega...que falta de sorte hein =( ...Nem para o carinha ser mais normalzinho, tinha que ter a voz estridente ? rsrs...Acho que isso é mandinga que fizeram pra vóis mecê mizifi [e para as outra N mil mulheres que estão em busca do ser normalzinho que as complete...nhunf]...rsrs

    ResponderExcluir
  4. A solução seria passar a etiqueta na boca dele. Existe solução pra QUASE tudo na vida, colega!

    Força na peruca!

    [encontrar o homem da sua vida numa casa de Empadas não deve ser bem aquilo que vc sempre imaginou... ou é???]

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores