13 de outubro de 2008

Sonhando...



Eu não sou de lembrar muito dos meus sonhos. Aliás, passo tempos com a nítida impressão de nunca ter sonhado. Já tive meus pesadelos, meus sonhos bacanas, mas conto isso como fatos da minha vida e não uma coisa diária.



Menos mal, afinal dizem que sonhar dá stress. E não quero ser estressada, não mais do que já sou. E como diz o nosso leitor-comentárista profissional Marko, sou pessimista, portanto, se eu sonhasse todos os dias, com certeza daria dor de cabeça.


Fugindo do assunto só este parágrafo, realmente Marko e colegas, eu ando pessimista demais. Tudo bem que nunca fui de ver o mundo cor-de-rosa com bolinhas amarelas, porém nem eu mesma estou me aguentando. E talvez, por isso, eu tenha passado alguns dias difíceis por aí. Nada de dramas (que pena, adooooro dramas!!!!), afinal estou em ótima fase se compararmos com meses atrás, e realmente, não entendo esse freio de mão puxado que eu virei. Aos poucos estou tentando voltar a acelerar de novo, recuperar (ou criar) minha auto estima e blablabla aquela coisa toda que os amigos repetem e com razão. A maioria do tempo é como se eu tivesse uma monografia inteira para falar, reclamar, discutir, agradecer, gritar, pedir... e só saem umas 5 ou 6 palavras, justo aquelas que não relatam exatamente o que eu queria. Enfim, chega do parágrafo solto fora do contexto, voltemos aos sonhos...




Pois bem, essa semana algo de muito estranho, mas não ruim (olha como estou regulando meu pessimismo, deem-me parabéns... um dia eu chego lá!) aconteceu essa semana. Sim, eu tive o mesmo sonho 4x em 7 dias. (pica-pau mode on) E em 26 anos nesta indústria vital essa é a primeira vez que isso me acontece. (pica-pau mode off).


O sonho é simples. Alto mar, aguas cristalinas, uma montanha lá no horizonte, bem longe mesmo, e uma ponte de madeira larga. Algo como essas fotos, porém muito mais com cara de A Lagoa Azul, entende? Eu estou nesta ponte, andando com muito cuidado e devagar em direção a essa montanha. Embaixo da madeira, só o mar. E a sensação não é ruim. Não sinto medo. Simplesmente tomo cuidado e vou andando. Na primeira vez que sonhei foi supimpa, corta a cena e eu estava lá na montanha, em meio a cachoeiras e pedras bonitas e que tais. Das outras vezes só estava andando na ponte mesmo. Naquela mesma direção.


Claro que intrigada, lá vou pesquisar daqui e daqui e daqui ...


MAR
- Ver um mar tranqüilo e transparente, é sinal de felicidade, e bons negócios. (opa, sim, estava super tranquilo).
- Agitado e turvo, faz-se prever aborrecimentos e dor. Deixar- se submergir pelo mar prova que se deixa transbordar na existência. (não é o caso)
- As águas do mar reflete um desejo de libertação inconsciente, cuja profundeza corresponde à profundeza do mar.(hmm to ouvindo...)
- Navegar num mar corresponde a um desejo de aventura. Uma tempestade é sinal de inquietação. E ver-se afogando no mar, trata-se de um desejo de se desembaraçar de aborrecimentos.(não é o caso)
- Como o mar representa travessias, sonhos com ele podem representar um desejo de renovação. (sim, acabei de escrever que quero mudar não é??? Pode ser isso...)
- Sonhar com mar pode ter vários significados, em geral, pode ser visto como um sinal de novos tempos. Progresso, prosperidade. (renovação de novo?)
- Aguarde uma aventura amorosa. Alguma coisa nova está em andamento.(ai ai Senhor...tá bom, prometo não falar nada rs) Sorte: jacaré. (jacaré no seco anda? Tá tá...eu páro)


PONTE
- Vê-la através do auxílio de parentes e amigos, você realizará um sonho antigo.(não é o caso)
- Vê-la caída- problemas e dificuldades financeiras.(não é o caso)
- Atravessá-la: resolução de negócios.(opa, eu atravessei hein...)
- Superação de dificuldades. Novidades no relacionamento social.(não é por nada não, mas estou esperando essas novidades todas viu...e não, eu NÃO ESTOU RECLAMANDO...rs)
- Como sugestão de aliança entre a criatura e o criador, a ponte onírica é muito mais significativa. Dessa palavra deriva Pontífice, que quer dizer “O construtor de pontes”, aquele que promove a união do Espírito com o Pai Celestial. Atravessar uma ponte, no sonho, é sinal de que conquistará os seus ideais e vencerá a adversidade.(hein? ah, éam, bacana...)


MONTANHA
- Viagem inesperada. Sucesso nos novos empreendimentos. Melhoria da situação financeira.(hm...bacana hein...quanta novidade...)

Bem, uma coisa ficou bem clara, segundo o Oráculo Google, novidades não faltarão se depender deste sonho. O que não faltaram nas interpretações foram as palavras: renovação, novidades e mudança, novos tempos etcetera.
Crendo ou não nestas imagens, eu afirmo e dou fé que estou disposta a tentar.
(o que uma ressaca moral e cívica, juntamente com blackout noturno não faz com uma pessoa...vou voltar para minhas escrituras sagradas, om sai ram)

4 comentários:

  1. Eu aaaaaaaaaaaaaaaaaacho que você tem tudo para dar uma guinada na sua vida... como diria nossa grande filósofa Adriane Galisteu, uma virada de 360° te espera!!!!

    Hahahahahahahahahahaha!!!

    Espero que essas mudanças se realizem mesmo. E lá na minha terra sonhar mto com mar faz a pessoa mijar na cama, então é bom começar a usar fralda! Hahahahahahahahaha!!!

    ResponderExcluir
  2. Eu não acredito muito nesse negócio de sonho não, mas torço pra que dê tudo certo contigo, Cafê!

    ResponderExcluir
  3. Leitor-comentarista-profissional é bom hein kkkkkkkkkkkkkk

    Putz esse negócio vicia trrrrr blllllrrrr rs

    Bom, pelo menos vc não pulou da ponte né kkkkkkkk

    ResponderExcluir
  4. Há tempos que sinto saudades de um sonho no estilo picapau.
    "Iate....
    DINHEIRO...
    Mulheres...
    DINHEIRO...
    Comida...
    DINHEIRO...
    Mulheres...
    Iate....
    Comida...
    DINHEIRO"

    Nunca me canso desses! rs...

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores