23 de julho de 2010

Isso aqui é trabalho, meu filho!

Serei breve e objetiva. Todos sabem que gosto demais de futebol e torço para o tricolor paulista. Hoje foi anunciado o Muricy Ramalho como o novo técnico da Seleção Brasileira de Futebol. Sou suspeita para comentar. Muricy é um ídolo das antigas, lembro dele acompanhando o Telê no auge das conquistas são-paulinas. Lembro de ter pesquisado e assistido jogos antigos para saber mais da carreira dele. Muricy tinha longos cabelos e futebol refinado, era muito elogiado pela imprensa como jogador. E merecidamente. Jogador de personalidade e de boa conduta. Um vencedor. Sempre defendeu a ética nos seus contratos. 

Temo pela instabilidade emocional do Muricy como treinador, ele é daqueles profissionais competentes ao extremo que passam noites seguidas em claro pensando no trabalho. Já teve problemas de saúde com isso. Ouvi entrevistas com a mulher dele e com os filhos, todos imploram pra ele relaxar. Enfim, toda sorte para o ídolo ponta de lança. Rabugento, ranzinza, daqueles que dá patadas e depois solta uma piada. Teremos boas coletivas para assistir!

“Aqui eu quero todo mundo estressado. Quem disser que está tranqüilo mando pra casa dormir. No futebol não tem isso. Quero todo mundo ligado, preocupado e estressado. A minha rotina é essa. Estou nervoso todo dia.”
“Uma vez, eu dei um trabalho tático de 40 minutos. Só coloco o time que vai jogar para treinar tático. Depois, na coletiva, a primeira pergunta que fazem é: “Qual o time que você vai colocar em campo?”. É demais. Mandei os caras assistirem o treino e pararem de comer bolacha e beber cafezinho.”
“A torcida paga ingresso para ver o time vencer. Quem quiser ver espetáculo que vá ao Teatro Municipal.”
“Se sei como o time jogará? Sim, de meia, calção e chuteira.”

Foto TerceiroTempo

UpDate 21hs: "O Fluminense não liberou Muricy para ser técnico da Seleção Brasileira alegando contrato estipulado até 2012 com o treinador. Política de clube que tem posição contrária a CBF e ao Ricardo Teixeira. Briga que respingou no futuro do Muricy que pagou o preço por ser um homem ético e defender o cumprimento de seus contratos. Ético e 'desinteligente', pois com certeza o Clube não será tão grato assim com o treinador no primeiro momento de crise que este tiver dentro dos resultados, como é de praxe no futebol. Com a negativa de Muricy, infelizmente, Mano Menezes acaba de ser convidado pela CBF e anunciará amanhã que, claro, aceita correndo a oportunidade. Não gosto do Mano Menezes como treinador e tenho dúvidas dele como pessoa dentro dos bastidores. Portanto, tem tudo para dar certo dentro do ninho de cobras da CBF." 

5 comentários:

  1. É dá para ver que é um exemplo de meiguice e ternura,kkkkkk!

    ResponderExcluir
  2. Seu Muricy é um homem bom, já faxinei muito na casa dele.
    Tomara que o Fruminense seja rebaixado.

    ResponderExcluir
  3. Vou confessar...
    Gosto do Muricy, e gostaria que ele fosse o técnico.
    Sou corinthiano e estou feliz, não pq o Mano é técnico da seleção, mas sim pq ele saiu do corinthians.

    ResponderExcluir
  4. Não estou dizendo q foi este o caso, mas às vezes é conveniente q outros digam NÃO por 1 pessoa pegando sem medo a oportunidade q no fundo ela sabia não estar preparada p/encarar.
    Pq pra sair da chamada “zona d conforto” técnica, conhecimento técnico não é tdo, é só o básico.

    Qdo se decide ficar convivendo em sociedade, lhe damos c/humanos; não há como lhe dar só c/vestais, c/gente "pura", "reta" q ande só pela nossa ética e moral.
    E, se o convívio é dentro do Futebol profissional então, vixi... rs

    Óbviamente tb não é necessário seguir a ética e moral do grupo/multidão em q se está inserido, por isso como bom ser humano q gosta do fácil ato d palpitar d fora rs acredito q teria sido mto mais coerente se o Muricy tivesse dito Não na cara do cacique da CBF ao invés d se esconder atrás do não dos caciques rivais do Fluminense.

    ...Ou não né rs afinal, seja p/os outros, seja principalmente p/si mesmo... 1 narrativa/reputação d "herói, ético, digno", como o caminho entre 2 pontos na vida real, não se constrói c/ 1 reta...

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores