20 de julho de 2010

O que é ser mulher, segundo meu médico.

Dias de fúria feminina, não aguentei e enviei um e-mail para meu ginecomédico:

"Prezado Doutor,
Diante de um momento de fúria feminina, envio este e-mail quase que desesperado para informar-lhe que após 5 meses de tratamento hormonal iniciado com o Doutor, encontro-me hoje no auge das manifestações negativas femininas. Muita TPM, muita dor de cabeça, muita irritação com qualquer ser animado, inanimado e desanimado, nenhuma paciência, alta sensibilidade a comerciais de margarina e grande doses de romantismo. Sei que a intenção era me transformar numa mulher, "hormonicamente" falando, mas digo que não curti a mudança e quero minha alta produção de testosterona de volta. Sem mais desabafos, é normal sentir tudo isso? São os remédios? Agradeço o consolo. Abraço."

E eis que recebo a resposta, na íntegra:

"Prezada Paciente,
Entendo que você está vivendo um choque com a realidade feminina. Ser mulher é exatamente a sua descrição no e-mail. Revelo a ti a verdade cruel de todas as outras mulheres do mundo. Sim, tudo indica que o tratamento está fazendo efeitos positivos. Aproveite esta nova etapa da sua vida, aproveite esta fase tão peculiar do sexo feminino. São nestes dias que vocês estão no auge da beleza e da sensualidade. A natureza (sou médico, não posso falar que foi  Deus) foi perfeita. Ela fez vocês se sentirem um monstro de convivência e de feiura praticamente 25% de cada mês justamente quando exalam sensualidade e personalidade mais que o normal para nós, homens. Caso contrário, vocês dominariam a Terra com este conhecimento e nos escravizariam. Tudo na sua mais perfeita ordem. Nós entendemos vocês nessa época porque vocês, estranhamente, estão mais perfeitas aos nossos instintos. Portanto, aproveite querida, assista suas comédias românticas, irrite-se com as coisas erradas do mundo, chore com os comerciais, coma chocolate, arrase pobres corações, maltrate e até arrume algum homem para xingar. Este é o seu momento. 
Quanto ao procedimento médico, tenha paciência, respire fundo, aguente firme, volte daqui uns 3 meses para refazermos os exames e verificarmos se você realmente é uma mulher de verdade e não aquele travesti que apareceu na primeira consulta.
Abraços querida."

Minha réplica:
"Prezado Doutor,
Muito obrigada pelas palavras tão gentis. Quanto aos conselhos, acho que arrumei um homem para xingar, se é que me entende... Abraços ;-)"

7 comentários:

  1. Ahh muito bom!! Adorei esse médico!! Como é nome dele? onde ele fica? queroo conhecer ele kkkkkkkkk

    Ótimo post!!
    Bjão

    ResponderExcluir
  2. hehe sempre é uma boa garantia de homem pra xingar rsrs

    ResponderExcluir
  3. Esse médico tem meu selo de aprovação.

    ResponderExcluir
  4. Ainda bem que ele teve o bom senso de leh dizer estas coisas via e-mail. Pessoalmente ele teria aprendido a voar ....

    ResponderExcluir
  5. A minha pergunta é se a Senhorita ainda pretende voltar lá? kkkk!

    ResponderExcluir
  6. Leo tirou as palavras de minha boca;
    afinal esse médico aí, como mtos, é bom pra rir do mesmo mas não pra passar perto, eu acho rs se bem q, medicina e sadismo andam d mãos dadas, então não estranhemos qdo alguém enlouquece como o paciente aqui neste clássico do humor negro - http://www.youtube.com/watch?v=5NK32XepeZk&feature=related entre 5:47min e 9:23min -
    No mais,
    Elsimar Coutinho nele eu hein rs

    Pq afinal como já dizia um ídolo nos manicômios "No dia do Juízo Final, os médicos terão de responder por mais vidas do que os generais." E olha, religião à parte q o Corso d carnificina entendia, ah isso ele entendia rs

    ResponderExcluir
  7. Admiro pessoas que tem personalidade como esse médico. poucos teriam coragem de falar o que ele disse. Nós somos assim mesmo, e mais um pouco. mas somente nós mulheres temos o cheiro de cio na pele, que os homens tanto amam, somos femininas por natureza, temos que deixar de lado isso de ser durona o tempo todo, somos lindas, macias, cheirosas, nós somos tudo o que há...

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores