2 de novembro de 2010

Um spray de chocolate

Há três formas de saborear um chocolate: pela visão, pelo olfato e pelo paladar. Enquanto o consumo fica só na visão e no olfato, o ponteiro da balança não reclama. Mas, quando o paladar entra na história de maneira descontrolada, surge o problema. Calórico (cerca de 500 kcal por 100 g), o doce costuma ser considerado inimigo da dieta. Pensando nisso, a empresa francesa Le Whif criou um novo jeito de satisfazer a vontade dos chocólatras: um spray de chocolate. Elaborado por David Edwards, professor do Edwards’ ArtScience Labs (França), em parceria com seus alunos, o produto propõe uma forma de “matar a vontade inalando”, segundo o site do jornal britânico Daily News.

O spray deve ser posicionado entre os lábios e espirrado na boca. A novidade faz, segundo os inventores, o cliente sentir o sabor do doce, mas não ingerir as temidas calorias. No site oficial do produto, Edwards explica que o spray contém centenas de partículas de chocolate natural e que o consumidor consegue sentir o sabor logo que espirra a essência. A novidade já virou mania em Nova York, Tóquio e Paris. Atualmente, há três sabores disponíveis: chocolate ao leite, com menta e com amora. Eles podem ser comprados no site da empresa. Cada embalagem (em formato de batom) sai por cerca de R$ 5. Além de ser vendido no site do produtor - www.lewhif.com.

Um dos problemas da invenção é que a duração da degustação é curta - pelo menos para os parâmetros dos chocólatras. A brincadeira termina após, no máximo, dez inalações. Mas a principal crítica é que o odor da guloseima pode ter efeito contrário, ou seja, em vez de sanar a vontade, abrir o apetite do consumidor. Além disso, inspirar chocolate não garante a ninguém os recentes benefícios descobertos do alimento (especificamente na versão amarga) para a saúde.

Via R7

Ah claro, muito mais saudável "inalar" chocolate do que comer... No site também temos a disposição um spray pra café (equivalente a um expresso, segundo o fabricante). Se a moda pega minha rinite vai piorar. 
Vamos logo ratificar que é uma droga e caso de saúde pública este nosso vício rs

2 comentários:

  1. Sei não, eu acho que ainda prefiro o jeito tradicional. kkkk!

    ResponderExcluir
  2. Eu ainda prefiro comer o chocolate mesmo! rsrs

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores