15 de fevereiro de 2011

15 de fevereiro


Depois do dia 14 de fevereiro e abraçando a minha solterice master plus, assumo que não levo o menor jeito para namorar. Relembrando os amores que tive nesses 35 anos, fiz um resumo dos foras que tomei, meus tocos queridos:

1. A primeira paixão de uma moleca, aos 10 anos me declarei para o moleque mais lindo do universo todo, não lembro o que disse para ele, mas ele me disse - "Sai para lá, você é uma pivete, nem seios tem, magrela quatro olhos"

2. Aos 14 anos me apaixonei pelo Marcel, escrevia o nome dele em corações, em corações e em corações. Adorava os recreios, era quando os meninos mais velhos interagiam com o resto do colégio, eu tirava meus óculos para tentar ficar mais bonita, um dia tropecei nele e me declarei, "Marcel, te amo" - " Credo, você é estranha"

3. Na época metaleira que passeava no shopping, comecei a namorar com outro metaleiro que passeava no shopping, no dia do show do Sepultura ele acabou comigo. "Sabe o que é? Não é você, sou eu, não tô com cabeça para namorar. Vai no show do Sepultura? Irado!"

4. Depois me apaixonei perdidamente por um quase filósofo, fui correspondida. Numa noite quente ele me chamou para conversar "Estou confuso, a vida é tão complexa que nesse momento não sei o que quero, mas fica tranquila que não é nada com você, sou eu"

5. Aos 20 anos me envolvi com um porra louca junkie. No natal ele foi comer a ex mulher e me ligou dizendo que a gente não dava certo porque minha mãe não gostava dele.

6. E o homem mais lindo, nessa fase da minha vida, me pede em namoro. Depois de dois meses me manda um email "Estou confuso, mas acho que to apaixonado pelo Marcelo, mas você é especial"

7. Insistente como sempre me envolvi com um moço que aparentemente era gentil, me joguei de cabeça e cai das nuvens no dia que ele me ligou "Oiiii, tudo bem? Tá acabando a bateria......" (a bateria nunca mais se recuperou)

8.Aos 26 anos conheci um garoto de 21 e engatamos num relacionamento pueril, em algum momento o garotão se apaixonou por uma ninfeta. "Sabe o que é? Tô confuso, não é nada com você, sou eu, mas você é especial"

9. E me apaixonei de novo, outra vez. Depois descobri que ele estava mais interessado no dinheiro que ele achava que eu tinha. "Eu te adoro, mas você é pobre, mas eu te adoro e você é especial, tá?"

10. E por fim, para ser bem sucinta, o último disse "Tô confuso"




11 comentários:

  1. Hahahaha que atire a primeira pedra aquela que não se identificou ao menos com um desses tocos.

    Mas eu entendi, o problema está no seu dedinho podre menina, vai escolher mais assim lá na China.
    Não é à toa que levou tantos tocos, você só arrumava encosto. Pense bem, na verdade foi um favor que lhe fizeram, afinal, você é especial...rs

    Adorei o texto.

    Bjs

    ResponderExcluir
  2. @Alcione Ribeiro
    a minha mão inteira é podre kkkkk e brigada pelo especial rs
    bjos

    ResponderExcluir
  3. Confusamente especial
    Masoquisticamente falando

    ResponderExcluir
  4. Às vezes eu fico pensando se eu queria ter esse tanto de experiência, ou se as mini experiências que eu tenho estão boas.

    A minha desculpa é: ninguém dá fora em ninguém. Os dois simplesmente somem [eu e ele], e é por isso que nenhum pseudo-relacionamento dá certo.

    Invejei a praia? Invejei muito.

    ResponderExcluir
  5. Como diria o locutor da sessão da tarde, grandes confusões.

    ResponderExcluir
  6. Se eu disser que foi hilário poderia entender que estou rindo da desgraça alheia, mas realmente são situações que muitas de nós já passamos. Nunca parei para pontuar os foras que levei, mas acho que teria uns tão bons quanto os seus.

    Depois de 2 anos e meio de namoro, o ex fala "eu amo você, você é a mulher da minha vida, mas eu precso ficar sozinho." Hein?! Perdi algo?? Hehehehe...

    Sou fã do blog!! :)

    ResponderExcluir
  7. Curti essa lista, vou até pensar em fazer uma igual rs. Só acho que daria OUTRO LIVRO kkkkkkkkkkkk.

    Já ouvi essa também Tati. E outras, e outras, e outras...

    ResponderExcluir
  8. @Niquinha Não fique.

    Aliás, eu não fico confuso. Eu sou confuso.

    ResponderExcluir
  9. Com tantos fora assim seu artigo deveria se chamar 11 de setembro (rs)

    Mas não liga. Isso acontece com todos nós!

    ResponderExcluir

Senta aí, aceita um café e comenta o que achou. A política dos comentários é simples: Todos aceitos salvo caso fortuito ou força maior, isto é, minha vontade. Caso prefira, temos também nosso link para CONTATO lá em cima.
;-)

Seguidores